Existem muitos mitos e verdades sobre aparelhos ortodônticos

Especialista aponta principais dúvidas sobre esse tipo de tratamento e suas variações

É fato. Quando uma pessoa recebe o diagnóstico de que terá que usar aparelho ortodôntico, várias questões vêm à cabeça. Será que vai doer muito? Como vou ficar? Por quanto tempo terei que usá-lo? Vou ter que mudar meus hábitos alimentares? Sou muito novo ou velho para usar? Por isso, fomos atrás de uma especialista para esclarecer esses mitos e verdades e levar informação a você, afinal, hoje, estética está extremamente ligada à autoestima que representa saúde mental e não só isso, sabemos que problemas com mastigação e posição errada dos dentes pode causar sérios danos à saúde como um todo. “Atualmente existem muitos equipamentos de tecnologia de ponta que permitem um tratamento avançado, sem grandes transtornos e com um resultado impressionante em questão de tempo e custo benefício ao paciente”, ressalta Marília Santos Silva, dentista especializada em Ortodontia da Clínica Dr. Gabriel Campolongo.

Aparelho ortodôntico funciona mais na dentição permanente
Mito: Não existe a questão de funcionar melhor ou pior na dentição permanente ou decídua (“leite”). O tratamento ortodôntico quando bem indicado e na fase correta, terá sucesso e podemos separá-los em preventivo e corretivo. O preventivo se aplica na dentição decídua ou mista quando se inicia a troca, e nessa fase corrigimos a estrutura óssea que na corretiva dentição permanente já não pode ser corrigido apenas com aparelhos e sim associado a cirurgias.

Você terá melhores resultados se usar aparelhos na infância
Verdade: Se o tratamento consiste em preventivo. Exemplos: falta de espaço, dentes encavalados ou mordidas cruzadas suas variações.

É normal o ortodontista pedir para extrair algum dente antes da hora
Verdade. Quando notamos que o dente permanente não está na trajetória correta de erupção, muitas das vezes a medida terapêutica é realizar a extração antes da hora e associar o aparelho.

É ideal esperar que todos os dentes de leite caiam para iniciar o tratamento
Mito. Pois mordidas cruzadas que são muito complexas de corrigir quando tratadas, em bebês que não tem dentes com massagem ou crianças com 3 anos de idade através de pistas em dentes ou aparelho levam ao desenvolvimento crânio facial, mais equilibrado.

Preciso levar meu bebê mesmo sem dente ao dentista, odontopediatra ou ortodontistas
Verdade. As assimetrias faciais e desequilíbrios na ATM já estão presentes nesse momento. As intervenções específicas devem ser realizadas antes dos 6 anos de idade, com um trabalho específico do ortodontista funcional dos maxilares, osteopata entre outros.

A amamentação promove saúde bucal desde cedo
Verdade. A amamentação promove uma adequada respiração, porque estimula o fortalecimento dos músculos ao redor dos lábios, proporcionando que a criança durma de boca fechada e respire pelo nariz. Resumindo os ossos da face se desenvolve de uma forma adequada quando o bebê se amamenta pelo peito.

É normal meu filho respirar pela boca
Depende. Com esse hábito ele pode ter lábios ressecados, dentes sempre ficam mais sujos, mordida aberta anterior, palato fechado porque ocorre que o ar não expande, dentes da frente muito inclinados pra frente, alterações de postura da cabeça e pescoço. O ideal é investigar porque isso acontece.

Os aparelhos precisam de cuidados especiais
Verdade. É preciso ter mais atenção na hora da escovação. É normal que ela se torne mais demorada e detalhada, para evitar acúmulos de alimentos que levam a gengivite e cáries.

Usar aparelho ortodôntico é sempre muito doloroso e demora demais para se conseguir resultados
Mito: É comum sentir um pouco de dor que é uma pressão nos dentes no começo e por conta do material que está ali na boca, metal, porcelanas, após esse período é com a tecnologia dos novos fios, o desconforto é mínimo e a média de tratamento seria de 2 anos, mas é preciso avaliar caso a caso.

Quanto mais apertado o aparelho, mais eficiente
Mito. Forças grandes não vão fazer o tratamento caminhar mais rápido. Muito pelo contrário, o excesso pode até prejudicar a arcada e os dentes.

Os aparelhos só servem para a estética dos dentes
Mito. São diversos fatores que levam a utilização do aparelho ortodôntico sendo eles: melhora a mordida (oclusão); fechamento de espaços, mordidas cruzadas e abertas; prevenção da saúde periodontal; tratamento de dores de cabeça; desgastes dentais; alteração de formação e deglutição; recuperação de espaço para prótese ou implante, dentre outros.

Somente braquetes podem alinhar meus dentes
Mito: Com os avanços da tecnologia, agora é possível sim alinhar os dentes sem ter que usar aparelho/ braquetes. Invisalign, por exemplo, é um alinhador com tecnologia smart track exclusiva, um método americano com mais de 30 anos de pesquisa, que pode ser utilizado em praticamente todos os casos.