Novos tempos? Muita calma nessa hora!

Ano novo, vida nova. Só que não. Astrologicamente o ano só vai iniciar realmente em 20 de março, quando o Sol ingressa no signo de Áries… Aí sim, o ano realmente começa e é interessante porque mesmo quem não acredita em astrologia, sente e fala que o ano só começa realmente em março. Mas, afinal de contas, o que muda de fato? Nessa data ocorre a mudança de regência de planetas e o planeta começa a vibrar fortemente trazendo à tona os assuntos que ele governa. Assim, começam a acontecer coisas referentes aos assuntos no âmbito coletivo e individual. Precisamos lembrar que
2022 foi o ano regido por Mercúrio e, infelizmente, de uma forma negativa, já que Mercúrio é o planeta da comunicação e, em desequilíbrio, traz desentendimentos, fofocas e confusão. Eu nem preciso explicar o tamanho da confusão gerada através da comunicação, já que todos viram e sentiram na pele, o fluxo desordenado de informações no coletivo e também individualmente. Aliás, muitas pessoas que trato foram vítimas de fofocas e problemas e, em alguns casos, existiram prejuízos, rompimentos de amizades e relacionamentos amorosos. Mas agora os ânimos estão se acalmando e não por acaso, 2023 será regido pela Lua. Aí, você deve estar se perguntando: afinal de contas o que muda na sua vida com essa troca de regência? A lua fala de emoções: sensibilidade, nutrição, infância, mãe, inconsciente e passado! O feminino estará em alta e o feminino é receptivo, amoroso, nutritivo e, com isso, o coletivo estará mais amoroso (ufa, até que enfim, né?).

Os assuntos em alta serão muitos. Maternidade será um deles. Isso mesmo, muitos bebês serão gerados esse ano e quem não quer receber a visita da dona cegonha, que redobre os cuidados. A alimentação será outro assunto em evidência, então esteja atento quanto à reeducação alimentar e excessos. No campo do comportamento, casamentos e como alimentar os
relacionamentos de um modo geral estarão no jogo. Não podemos esquecer nunca que a Lua tem fases e que isso gera flutuações emocionais que podem gerar muitos transtornos e lágrimas, por isso começar uma terapia ou para quem já está fazendo pegar firme. Essa conduta será muito importante para lidar com essas oscilações pessoais e, principalmente, dos outros, já que todos estarão sob a mesma influência. Quem estiver consciente de toda essa movimentação, estará em
uma posição melhor com certeza.

Ainda 2023 será incrível para tratar o seu feminino com amor, resolver questões do passado que vira e mexe ressurgem, olhar para a nossa mãe, avós e entender nossa ancestralidade feminina e ressignificar dores que existem no nosso sistema familiar, que repetimos sem saber que faz parte da nossa ancestralidade e que precisar ser olhada e curada!

Use e abuse de chás e os florais. Esses elementos serão muito bons e estarão potencializados nesse ano. É preciso ainda, ter cautela quanto a intoxicação pelo uso excessivo de remédios, ou seja, nesse período, o menos é mais. Aproveite para fazer seu mapa e descubra em qual casa (setor) a Lua está atuando mais fortemente e faça proveito disso!

Por Fernanda Palhares
Jornalista, radialista, astróloga e terapeuta integrativa.
Autora dos ebooks “Decifrando os Signos” e palestrante de Astrologia.
@mfernandapalhares